DJI_0269.JPG

PRIMEIRA AÇÃO

IDE - Associação de Assistência a Infância e Juventude
Conj. Habitacional Clemente Jorge Roncari (Cohab V), Setor Sul, Botucatu | SP

| CHEGADA | 

Nossa primeira visita foi para conhecer o espaço e as pessoas que cuidam dele, a fim de compreender quais as demandas do local.

A questão central apresentada por eles era a necessidade de mais espaço, tanto para o movimento que já tinham, quanto para possibilitar o acolhimento de mais crianças e jovens ali.

A ideia deles era solucionar essa questão com a construção de um pequeno quiosque na área externa da casa, para suprir essa necessidade.

IMG_0683.JPEG

| OFICINA CRIANÇAS | 

Nos dias 14 e 15 de março realizamos oficinas com as turmas da manhã e da tarde.

 

A proposta era simples e o objetivo também: a partir da construção de uma maquete de maneira coletiva (em grupos de 6 pessoas) promover a espacialização deles, a aproximação com o projeto e, consequentemente, o pertencimento, e ouvir de quem mais utiliza o espaço quais eram os sonhos que cabiam ali.

 

A partir daí, naturalmente também se inicia a construção de uma narrativa coletiva desse processo, a partir das experiências partilhadas nesse espaço, entre nós todos.

| LOCALIZAÇÃO |

IDE fica num terreno da prefeitura que estava abandonado há algum tempo, mas que sempre acolheu atividades semelhantes às oferecidas pela ONG, isso porque a área foi destinada ao uso institucional desde que o loteamento foi implantado.

| PERCEPÇÕES |

Nossa leitura inicial é de um terreno espaçoso com muito potencial, e com o privilégio de estar no meio de duas praças: uma menor na frente da entrada, e outra bem grande com quadra e uma linda vista para a cidade na parte de trás.

 

Para além disso, internamente já foi possível notar algumas soluções simples que poderiam ser adotadas para um espaço mais flexível e amplo, como a remoção de mobiliário fixo (mesas do refeitório) e a substituição por algo versátil, que desse mais opções de organização e uso.

IMG_0692.JPEG

| OFICINA EDUCADORES | 

A fim de ouvir e construir junto também com os professores e cuidadores da IDE, logicamente, realizamos dinâmica semelhante, mas aqui o desafio era maior e pedia que a facilitação ganhasse outro tom: enquanto as crianças e jovens acessam os sonhos com maior facilidade, para nós, adultos, já muito endurecidos, fica difícil deixar a imaginação fluir para além do pragmatismo. Assim, o exercício começou com um rápido relaxamento e meditação retomando as memórias boas da infância de cada um, para depois projetar para aquele espaço o que aquelas experiências nos traziam em essência.

DSC_1202.JPG

| OFICINA FAMILIARES |

No dia 29 de março retornamos à IDE para desta vez realizar a atividade junto aos familiares das crianças e jovens. e claro, diante de cada um grupo um desafio diferente, e apesar de ao final todas as ações chegarem a lugares parecidos - a escuta, os caminhos foram um pouco diferentes com cada grupo.

Para a troca com os familiares realizamos a mesma introdução com o resgate da memória da infância, mas além de ouví-los, queríamos também entender quais as habilidades ali presentes, tentando entender também como poderia se delinear a construção a partir dos saberes a serem trocados, os recursos (também humanos) ali presentes.

DSC_1198.JPG

| PRÓXIMOS PASSOS | 

O próximo passo é sistematizar todo o material trazido por eles nas oficinas e passar para o papel já a partir de nossas leituras técnicas, e assim, com um desenho em mãos, voltaremos para validar junto a todos eles.